Menu
Pontos

Uma imagem diz mais que mil palavras e se essa imagem for de comida, imagine o que pode transmitir aos seus seguidores.

Neste artigo damos-lhe a conhecer várias dicas sobre como tirar as suas fotografias de forma apelativa, desde a iluminação certa a usar a pequenos truques que podem ser aplicados. O nosso objetivo é que passe a tirar fotografias de qualidade que possam ser incluídas no seu menu ou partilhadas nas redes sociais.

Não precisa ser um fotógrafo profissional para conseguir imagens incríveis dos seus pratos!

Ter ajuda de um fotógrafo profissional é uma grande vantagem contudo, muitas vezes devido ao custo e tempo associados, tal não é possível. Na verdade, com as dicas certas qualquer pessoa pode tirar fotos de qualidade. Basta alugar ou comprar uma câmara fotiográfica profissional, que a qualidade das suas fotografias melhora imediatamente. 

pessoa a fotografar refeição de porco com vegetais

Para a sua fotografia ficar perfeita o ideal é ter a ajuda de um estilistia de alimentos.

Um estilista de alimentos é um Chef de cozinha igual a si, mas com noções de fotografia. Ele sabe trabalhar a iluminação e conhece a química dos alimentos, ou seja, sabe quando um bife apetitoso se torna um pedaço seco de carne sem brilho. De forma a evitar estas reações químicas é habitual vermos este especialista usar alguns truques, como trocar a espuma da cerveja por creme de barbear ou de forma subtil dar brilho aos alimentos através do uso de um pequeno pincel embebido em azeite grosso. Estes truques não são uma surpresa para o consumidor e são uma grande ajuda quando usados com moderação.

travessa com salsichas

Alguns pontos a ter em consideração para que as suas fotos sejam semelhantes à de um fotógrafo profissional.

  • Iluminação: usar uma iluminação natural de qualidade, ou que se pareça à luz do dia, para que o espectador sinta vontade de experimentar o prato no seu estabelecimento. A iluminação natural permite tirar fotografias diretamente no restaurante, junto à janela, enquanto que um estúdio, com algum planeamento, lhe dá a possibilidade de modificar a luz a seu belo prazer.
    Pode, também, optar por colocar contrastes, como um fundo escuro, que dá um ar mais gourmet e editorial a um prato.
    Recomendamos que a iluminação principal venha da parte traseira ou lateral do que é apresentado, desta forma, conseguimos dar maior destaque ao nosso objeto. Lembre-se, o intuito é transmitir a ideia que o prato têm um excelente sabor, é suculento e apetitoso.
  • Contexto e ambiente: abordamos este ponto com uma pergunta: o que quer transmitir com o seu prato? Pode desejar mostrar o resultado final, ou seja, o prato em si, destacar certos ingredientes entre outras opções... Esta pergunta ajuda-o a perceber o que a sua foto realmente precisa: que tipo de prato deve colocar ou que tipo de copos, toalhas ou talheres deve utilizar, para conseguir passar à sua audiência a mensagem que deseja transmitir, seja esta através das redes sociais ou do menu do seu estabelecimento. Por último, mantenha o ambiente à volta do prato limpo e arrumado e sem elementos que possam distrair a atenção do espectador. Neste caso específico, menos é mais.
duas refeições de sanduíches

  • Foco: na fotografia existem diversos planos. O que está focado é o primeiro plano, sendo os restantes os planos desfocados. Devido a isto, deve avaliar cuidadosamente se o seu prato ou ingrediente se encontra integralmente no primeiro plano. Tente manter o foco no ponto mais próximo da câmara, de forma a ir perdendo nitidez progressivamente.
  • Enquadramento e Perspetiva: quantas fotografias, principalmente na Internet e em menus, são tiradas a partir de um ponto de vista localizado a cima do prato? Essa perspetiva chama-se "Perspetiva Zenital" e é uma técnica considerada, com exceção do seu uso em pizzas, bolos ou cremes, ineficaz pois o seu enquadramento anula o volume dos objetos apresentados. Para obtermos uma fotografia realista e que permita apreciar aquilo que é apresentado, o ideial é fotografar a partir de um ponto de vista ao nível do prato.
  • Retoque: após tirar as fotografias vale a pena dar-lhes um tratamento cosmético para aumentar a intensidade das cores e apagar pequenas imperfeições, como gotas de àgua. Também pode adicionar vapor ou fumo para obter um efeito mais apetitoso, como se o prato tivesse acabado de sair da cozinha.
pessoa a fotografar com o telemóvel uma sobremesa